Vereadores homenageiam 72 anos da Associação Educativa Evangélica

por Fernanda Morais publicado 03/04/2019 18h55, última modificação 09/04/2019 10h33
Vereadores homenageiam 72 anos da Associação Educativa Evangélica

Vereadores homenageiam 72 anos da Associação Educativa Evangélica durante sessão solene

A Câmara Municipal realizou sessão solene em comemoração ao aniversário de 72 anos da Associação Educativa Evangélica (AEE). A iniciativa foi do vereador Pastor Elias Ferreira (PSDB). O evento foi conduzido por Elinner Rosa (MDB), primeira secretária da mesa diretora e teve ainda as presenças dos vereadores Jean Carlos (PTB) e Fernando Paiva (Pode).

Diretores, coordenadores, professores e alunos do Centro Universitário prestigiaram a sessão solene que aconteceu no salão nobre Richard Edward Senn no Colégio Couto Magalhães.

Durante a solenidade foram homenageados com Certificado de Honra ao Mérito, o presidente da AEE e Chanceler da UniEvangélica, Ernei de Oliveira Pina; o Reitor da UniEvangélica, Carlos Hassel Mendes e o Diretor Geral dos Colégios Integrados da AEE, Marcos Antônio Argolo.

Rivaldo Jesus Rodrigues também recebeu o Certificado de Honra ao Mérito para comemorar os seus 42 anos atuando como professor do curso de Direito do Centro Universitário. "Tenho mais cinco anos na instituição, como aluno. Minha vida aconteceu dentro desse complexo educacional", comemorou.

"Fui aluna do Colégio Couto Magalhães, sou egressa da instituição e hoje, como vereadora, é gratificante reconhecer o trabalho que vocês realizam pelo setor educacional e universitário não só de Anápolis, mas em todo Estado de Goiás", parabenizou Elinner Rosa.

O vereador Pastor Elias destacou que atualmente a instituição tem 16.400 alunos matriculados, cerca de 10 mil estudam em Anápolis. "A UniEvangélica é muito especial para Anápolis, para Goiás e todo Brasil. Temos campus da AEE em Jaraguá, Goianésia, Rubiataba, Aparecida de Goiânia e Ceres. Parabéns a todos os profissionais que ajudaram a construir essa história de 72 anos", disse Pastor Elias.

Jean Carlos ressaltou que para falar de educação em Anápolis é preciso citar a UniEvangélica."Quantos profissionais já passam pelos bancos dessa universidade. Recentemente prestigiei a colação de grau do meu filho mais velho que também seu formou aqui. Continuem trabalhando pelo setor educacional em nossa cidade", incentivou o petebista.

Carlos Hassel Mendes disse que recebe a homenagem da Câmara Municipal com alegria e gratidão. Segundo ele, a AEE é parceira do Legislativo anapolino. "Nos dedicamos a ensinar com qualidade. Essa solenidade de reconhecimento pelo nosso aniversário e atuação é para todos nós motivadora", agradeceu o reitor da UniEvangélica.

Já o presidente da AEE, Ernei de Oliveira Pina declarou que a história da UniEvangélica se confunde com a de Anápolis. "Isso nos envaidece, nos faz feliz. Temos 72 anos escritos aqui em Anápolis. Nosso diferencial é a qualidade no ensino e o compromisso com a verdade e valores", pontuou.

História

Fundada no dia 31 de março de 1947, por missionários e líderes evangélicos, sob a liderança do Revº. Arthur Wesley Archibald, tendo como tarefa fundamental contribuir com a educação e a formação de crianças, jovens e adultos da região de Goiás.

Fundou escolas em diversas cidades do Estado de Goiás. No nível básico, fundou o Colégio Couto Magalhães, em Anápolis, o Colégio Álvaro de Melo, em Ceres, o Educandário Nilza Risso, a Escola Luiz Fernandes Braga Júnior, o Normal Regional e o Sítio de Orientação Agrícola, em Cristianópolis, estes últimos desativados, ao longo do tempo.

No ensino superior, fundou quatro faculdades isoladas: Faculdade de Filosofia Bernardo Sayão em 1961, a Faculdade de Direito de Anápolis em 1969, a Faculdade de Odontologia João Prudente em 1971 e a Faculdade de Filosofia do Vale de São Patrício, situada em Ceres/GO, em 1976.

Em 1993, estas faculdades se transformaram em Faculdades Integradas da Associação Educativa Evangélica, por força de seu Regimento Unificado. As Faculdades Integradas da Associação Educativa Evangélica credenciaram-se como Centro Universitário de Anápolis, em 15 de março de 2004, por meio da Portaria Ministerial nº. 628, publicada no D.O.U. nº. 52, de 16 de março de 2004.

A AEE tem sempre buscado expandir sua missão, tanto que, em 2005, adquiriu a Sociedade de Ensino Raízes e, em 2007, a Faculdade Betel de Goianésia (FABEGO), rebatizada com o nome de Evangélica – Faculdades de Goianésia.