Sessão Solene trata do combate ao avanço do Diabetes em Anápolis

por Camila Virgínia publicado 19/11/2018 16h16, última modificação 19/11/2018 16h16
Sessão Solene trata do combate ao avanço do Diabetes em Anápolis

Sessão Solene trata do combate ao avanço do Diabetes em Anápolis

Uma sessão solene realizada na quarta-feira (14.nov) pela Câmara Municipal de Anápolis, numa iniciativa da vereadora Elinner Rosa (MDB), chamou a atenção para a necessidade da somatória de esforços por parte da sociedade organizada para combater o avanço do diabetes em Anápolis e região. O Dia Mundial do Diabetes é celebrado em 14 de novembro. A intenção da sessão foi discutir mecanismos que ajudem a travar o crescimento da doença.

O Dia Mundial do Diabetes é comemorado desde o ano 1991, instituído pela Federação Internacional de Diabetes e pela Organização Mundial de Saúde. Esta data foi escolhida por ser o aniversário de Frederick Banting, o médico canadiano que juntamente com o seu colega, Charles Best, conduziram as experiências que levaram à descoberta da insulina em 1921.

Segundo a vice-presidente da Comissão da Saúde da Câmara, Elinner Rosa, o diabetes é uma doença de alto risco e apesar disso, o assunto ainda não é abordado conforme sua real necessidade. “Essa é uma doença que não escolhe idade, nem classe social, é uma doença que assola e mata. O objetivo desta solenidade é discutir as medidas de prevenção, esclarecer e conscientizar. Esse é o momento em que podemos levantar e defender a bandeira dos diabéticos”, explicou a parlamentar.

O endocrinologista Elias Hanna falou sobre o impacto da doença que, só em nosso município, atinge cerca de 12 a 15 mil pessoas. “Infelizmente a doença tem um agravante em suas fases iniciais que é o silêncio, ou seja, o diabetes é assintomático e isso impossibilita que, em muitos casos o quadro seja revertido”, alertou. O especialista elogiou o trabalho do Poder Legislativo na pessoa da vereadora Elinner Rosa e afirmou categoricamente que a ação de informar, conscientizar e prevenir contribui fortemente para diminuir a incidência da doença.

O presidente da ONG Pais e Filhos DM1, Sander Ângelo, contou que após receber o diagnóstico que o seu filho tinha o diabetes tipo 1, sentiu a necessidade de criar a organização tencionando instruir os pais nesta jornada cheia de desafios e cuidados. “Realizamos visitas domiciliares nos casos recém diagnosticados, para ajudar, apoiar e estruturar as famílias que ainda não conhecem a doença. Tenho muita gratidão à esta Casa de Leis, que sempre nos oferece esse respaldo e contribui fortemente para a conscientização do diabetes”, disse.

A sessão solene também contou com as presenças do vereador Lélio Alvarenga (PSC), a nutricionista do programa do Diabetes da Prefeitura de Anápolis, Cristiane Oliveira; além da participação da sociedade, familiares e portadores do diabetes.