Pastor Elias pede que Delegacia da Mulher atenda 24h, incluindo finais de semana e feriados

por Marcos Vieira publicado 07/08/2019 16h24, última modificação 07/08/2019 16h24
Pastor Elias pede que Delegacia da Mulher atenda 24h, incluindo finais de semana e feriados

Pastor Elias pede que Delegacia da Mulher atenda 24h, incluindo finais de semana e feriados (Foto: Ismael Vieira)

O vereador Pastor Elias Ferreira (PSDB) repercutiu na tribuna, nesta quarta-feira (7.ago), os 13 anos de criação da Lei da Maria da Penha e reforçou a luta da Frente Parlamentar de Segurança Pública para que a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) funcione também à noite, nos finais de semana e feriados.

A preocupação em ampliar o horário de atendimento deve-se ao fato de que a maioria dos casos de violência contra a mulher acontece nesses períodos. Pastor Elias informou que tem solicitado ao governo estadual que crie uma central de flagrantes das delegacias especializadas da cidade.

“Já estou conversando com o delegado geral da Polícia Civil em Goiás, Odair José Soares, e com o delegado da regional de Anápolis, Pedro Garcia Caires”, explicou o vereador. Pastor Elias informou ainda que a cidade vive a expectativa de receber 11 novos delegados, oriundos do curso de preparação após concurso público com novas vagas para a categoria.

Pastor Elias lembrou que é preciso ampliar os dispositivos de segurança, pois os casos de violência contra a mulher seguem crescendo em toda a sociedade. “Como uma mulher mora com um cidadão que lhe bate? Deve ser horrível”, argumentou.

Segundo o vereador, se não existisse a Lei Maria da Penha, a situação seria ainda pior. “Mulher foi feita para ser amada”, completou. Ele elogiou ainda a Patrulha Maria da Penha em Anápolis, um trabalho realizado pela Polícia Militar que atende casos específicos de violência contra a mulher.