Lisieux Borges denuncia falta de preocupação social da Enel com demandas da cidade de Anápolis

por Marcos Vieira publicado 01/10/2018 11h28, última modificação 01/10/2018 11h28
Lisieux Borges denuncia falta de preocupação social da Enel com demandas da cidade de Anápolis

Lisieux Borges pede atenção aos mais carentes e que empresa dê atenção aos vereadores (Crédito foto: Ismael Vieira)

O vereador Lisieux José Borges (PT) fez críticas à Enel na sessão desta segunda-feira (1º.out), ao falar na tribuna. Ele citou o fato de a empresa que comprou a Celg não ter preocupação social, sobretudo em relação às demandas apresentadas pela Câmara Municipal.

“E são os vereadores que conhecem as necessidades da cidade como um todo”, completou Lisieux, lembrando que desde que a Celg foi adquirida pela Enel, a nova empresa deixou de ouvir os agentes públicos que buscam soluções para as questões da coletividade.

Do ponto de vista social, Lisieux lembrou que nem mesmo o pedido de uma extensão para atender famílias carentes de bairros mais afastados ocorre mais. “E energia elétrica é um item de primeira necessidade, é qualidade de vida”, destacou.

Lisieux lembrou que antes de ser vendida, a Celg foi eleita a pior prestadora de serviço no ramo de energia elétrica e distribuição. “A Enel está seguindo o mesmo caminho”, discursou o vereador.