Lacerda alerta para deterioração de obra incompleta do anel viário do Daia

por Marcos Vieira publicado 13/03/2018 15h52, última modificação 13/03/2018 15h52

O vereador Luiz Lacerda (PT) ocupou a tribuna, nesta terça-feira (13.mar), para denunciar a situação precária da obra do anel viário do Distrito Agroindustrial de Anápolis (Daia). Os trabalhos foram paralisados e as fortes chuvas recentes levaram parte da pista que estava pronta.

Lacerda citou uma grande erosão aberta no local, que impede o acesso de pessoas às suas propriedades rurais. Sem galerias pluviais, a água tem alagado uma passagem sobre o córrego da região, o que impede que moradores do conjunto Boa Esperança cheguem às suas casas em dia de chuva.

O vereador disse que a cratera “cabe uma carreta” e que o buraco engoliu postes de energia elétrica. “Se não tomarem providências urgentes, tudo que foi feito irá se perder completamente”, avisou. Segundo ele, a informação é que a empresa responsável pelo anel viário desistiu do contrato por não dar conta de terminá-lo.

Luiz Lacerda pediu ao presidente do PSDB de Anápolis, vereador Pastor Elias Ferreira, que vá até o anel viário para conferir o estado do serviço. “Às vezes o pessoal do governo não está sabendo o que está acontecendo lá. Fica muita gente adulando o governador e não falam sobre problemas”, ressaltou o petista.

Para Lacerda, não adianta as pessoas ficarem na ilusão, a obra do anel viário não estará pronta em breve. “Ali vai mesmo é acabar tudo”, concluiu o vereador.

O anel viário tem o objetivo de ligar o Daia à rodovia BR-060. O convênio que deu origem à obra é de 2013. O valor da obra informado pelo governo estadual é de R$ 9.241.122,90.