João da Luz repercute participação no 2º Fórum Goiano de Comunidades Terapêuticas

por Marcos Vieira publicado 02/12/2019 17h30, última modificação 03/12/2019 08h49
João da Luz repercute participação no 2º Fórum Goiano de Comunidades Terapêuticas

Vereador João da Luz, do Podemos (Foto: Ismael Vieira)

O vereador João da Luz (PODE) repercutiu na tribuna, nesta segunda-feira (2.dez), a participação no 2º Fórum Goiano de Comunidades Terapêuticas, realizado na semana passada na Unievangélica. Ele representou a Câmara Municipal no evento, a pedido do presidente Leandro Ribeiro (PTB).

“Agradeço ao reitor Carlos Mendes, que abriu as portas para esse debate fundamental, que foi organizado pela Associação Goiana de Comunidades Terapêuticas [AGCT], com as presenças de entidades de Anápolis e de mais 26 municípios da região”, iniciou João da Luz, citando ainda a presença no fórum do vereador Wederson Lopes (PSC), membro do Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas.

O vereador agradeceu especialmente a AGCT, na figura da sua presidente regional, Sherydan Luiza, e o representante na cidade de Anápolis, Dennis.

João da Luz informou que o deputado federal João Campos (PRB) esteve na Unievangélica e prometeu uma emenda de R$ 1 milhão para as comunidades terapêuticas de Goiás. “Parabenizo o deputado por essa atitude, de estar presente em um debate tão importante para a sociedade e por assumir o compromisso em direcionar recursos para aqueles que fazem o enfrentamento diário contra as drogas, cuidando dos dependentes químicos”, frisou.

Outra conquista importante, continuou o vereador, foi o anúncio do vice-prefeito Márcio Cândido e da secretária de Desenvolvimento Social, Eerizania Lobo, de que o chamamento público para convênios com as comunidades terapêuticas será aberto ainda esse ano.

A partir das necessidades comunicadas no fórum, João da Luz disse que irá propor Moção de Apelo ao governador Ronaldo Caiado (DEM), pedindo que retome o repasse de recursos às comunidades terapêuticas via Grupo Executivo de Enfrentamento às Drogas.

O vereador citou algumas ações propostas por ele na Câmara visando o fortalecimento das comunidades terapêuticas. Foi criado no calendário oficial do município um dia (26 de junho) para exaltar o trabalho dessas entidades. “Também fizemos audiência pública para debater as necessidades das comunidades terapêuticas”.

João da Luz também propôs ao Executivo, via indicação, que inclua na grade curricular das escolas municipais uma disciplina que versa sobre ações preventivas quanto ao uso de drogas.