João da Luz destaca Projeto Feira Legal e fala ainda sobre importância da reciclagem

por Fernanda Morais publicado 19/03/2019 11h35, última modificação 20/03/2019 12h38
João da Luz destaca Projeto Feira Legal e fala ainda sobre importância da reciclagem

João da Luz destaca Projeto Feira Legal e fala ainda sobre importância da reciclagem

Em discurso na tribuna do plenário, durante a sessão ordinária desta terça-feira (19.mar), o vereador João da Luz (PHS), abordou dois assuntos de interesse coletivo para população anapolina.

O parlamentar destacou a atualização do Código Ambiental do Município, com foco para importância de incentivar a reciclagem e tratou sobre um projeto da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico referente a organização nas feiras livres realizadas em Anápolis.

"A atualização do Código Ambiental já está sendo discutido na Casa. Tivemos uma audiência pública bastante concorrida sobre o assunto. E sobre as feiras livres conversei com o secretário Adriano Baldy sobre as realizações clandestinas que estão acontecendo na cidade", adiantou.

João da Luz detalhou que é um frequentador assíduo das feiras livres da cidade, principalmente as que acontecem no Bairro Jundiaí e na Santa Isabel. O vereador disse que está sendo questionado pelos comerciantes sobre a quantidade de vendedores clandestinos ocupando esses espaços.

"Em conversa com o secretário Adriano fui informado que será feito um mapeamento em todas as feiras livres com os comerciantes que atuam nesses locais. A ideia do projeto denominado 'Feira Legal' é readequar os espaços e procurar vagas para encaixar os vendedores clandestinos, colocando-os dentro da legalidade", comentou.

De acordo com o vereador também existe um levantamento que aponta para existência de pelo menos oito feiras livres irregulares em Anápolis. Elas estão localizadas nos Bairros São Joaquim, Rua Mauá, Parque das Primaveras, Colorado, Barro Preto, Parque dos Pirineus e Praia Clube.

"Vamos acompanhar essa idealização da Secretaria de Desenvolvimento Social para colaborar com essa iniciativa. As feiras de Anápolis são concorridas e merecem ser organizadas para que os feirantes cadastrados não sejam desestimulados e comecem a agir também fora da regularidade", comentou.

Meio Ambiente

Ainda em seu pronunciamento, o vereador do PHS falou sobre a importância de trabalhar mecanismos que incentivem a população a cuidar do Meio Ambiente da cidade.

"O assunto é pauta de interesse mundial. E temos que começar a agir de dentro de nossas casas", declarou na tribuna.

O vereador destacou que uma das maneiras de colaborar com a preservação do Meio Ambiente local é propor iniciativas que estimulem a população a participar da coleta seletiva.

"Infelizmente, em 9 anos de funcionamento, ainda não temos a participação relevante da comunidade. Eu digo que em um bairro com 200 casas, por exemplo, apenas 10 imóveis pessoas participam do processo. É um índice muito baixo", lamentou.

João da Luz acredita que promover ações de incentivos, como desconto na cobrança da Taxa de Serviços Urbanos (TSU), por exemplo, seria interessante.

"O engajamento na coleta seletiva é revertido no aumento do vida útil do aterro sanitário municipal. O mundo está interessado em ações de preservação do meio ambiente, e temos que dar a nossa colaboração", concluiu.