João da Luz critica inoperância da Enel e parabeniza atuação do Procon na defesa dos consumidores

por Marcos Vieira publicado 20/02/2019 13h29, última modificação 20/02/2019 13h29
João da Luz critica inoperância da Enel e parabeniza atuação do Procon na defesa dos consumidores

João da Luz critica inoperância da Enel e parabeniza atuação do Procon na defesa dos consumidores (Foto: Geraldo Fleury)

O vereador João da Luz (PHS) parabenizou na sessão dessa quarta-feira (20.fev) a Defensoria Pública do Acre, que conseguiu suspender na Justiça um aumento de 28% da energia elétrica naquele estado.

A demanda judicial foi contra a Companhia de Eletricidade do Acre (Eletroacre), uma ex-estatal vendida ao grupo Energisa.

Ele comparou a situação do Acre com Goiás, que ficou a mercê da decisão da Enel de subir o valor da tarifa em 26% para as indústrias e 15% para o consumidor residencial, embora a inflação no período não tenha passado de 2%.

“Aqui em Goiás ficamos sem resposta plausível da companhia energética, prevalecendo um aumento superior à inflação registrada no período”, discursou na tribuna o vereador.

João da Luz também parabenizou o Procon de Goiás, por ter intimado a Enel a prestar esclarecimentos sobre reclamações de consumidores. O aumento das ocorrências de 2018 para 2019 cresceu mais de 100% e chegou a 538 neste ano.

O vereador listou algumas queixas que figuram no órgão de defesa do consumidor: cobrança indevida de fatura, inoperância do SAC, espera excessiva no atendimento presencial e queda de energia e prejuízos decorrentes disso.

“A Enel terá que prestar contas, parabéns ao Procon que tem atuado na defesa da população goiana”, completou João da Luz.

Combustíveis
O vereador também informou que a Comissão de Direitos do Consumidor da Câmara irá convidar agentes do Inmetro, Procon e ANP para fazer diligências nos postos de Anápolis, visando aferir a qualidade dos combustíveis.

registrado em: ,