Jerry Cabeleireiro e Sargento Pereira Júnior apresentam demandas à direção da Saneago

por Câmara Municipal de Anápolis publicado 31/05/2016 09h57, última modificação 31/05/2016 09h57
Os vereadores Jerry Cabeleireiro (PSC) e Sargento Pereira Júnior (PSL) foram à Goiânia para reunião de trabalho com o presidente da Saneago, José Taveira Rocha, na tarde de sexta-feira (14). O objetivo foi encaminhar solicitações da população anapolina e da Câmara Municipal de Anápolis, para solução de problemas relacionados à captação, tratamento e distribuição de água, e à captação, tratamento e armazenamento de esgoto sanitário. Segundo os vereadores, a cada dia crescem as reclamações da população e a preocupação ante situações que comprometem a qualidade ambiental.
Jerry Cabeleireiro e Sargento Pereira Júnior apresentam demandas à direção da Saneago

Jerry Cabeleireiro e Sargento Pereira Júnior apresentam demandas à direção da Saneago

Jerry Cabeleireiro apresentou documentos e fotos que comprovam a ocorrência de problemas, especialmente a contaminação de córregos e ribeirões que cortam a cidade em todos os setores. Em várias regiões é possível observar esgoto despejado nos ribeirões. "No passado os loteamentos eram construídos sem a infraestrutura neceessária e, agora, a consequência são os problemas em relação à agua e esgoto", disse. O vereador também mostrou dutos que, por vários motivos, estão prestes a se romper, com risco de despejar esgoto nos córregos Cezário, Antas, Correias e Água Fria. "Infelizmente tem empresas que descartam na rede de esgoto garrafas pet, sacolinhas, luvas, ataduras e outras coisas", conclui.

Sargento Pereira Júnior lembrou que em 11 de março cobrou do presidente da Saneago solução de demandas da Área de Preservação Ambiental (APA) do Ribeirão João Leite. Em 29 de junho questionou ao governador Marconi Perillo sobre o processo licitatório que vai viabilizar a construção de interceptor de esgoto do Córrego das Antas. "Apresentamos na Câmara duas moções de apelo cobrando agilidade neste processo", disse. Segundo ele, a informação da Saneago é que icitação será concluída apenas em novembro. Isto, segundo ele, prejudica cerca de 145 famílias que foram sorteadas no programa 'Minha Casa Minha Vida', que não podem receber as casas antes da construção deste interceptor. "Estive com o prefeito João Gomes, para pensarmos numa alternativa para acelerar este processo e resolver o problema dessas famílias e da comunidade em geral", disse

registrado em: