Jean diz que tem lutado pela implantação de sinal de celular em distritos de Anápolis

por Marcos Vieira publicado 15/08/2017 09h29, última modificação 15/08/2017 09h29

O vereador Jean Carlos (PTB) repercutiu na tribuna, nesta segunda-feira (14.ago), reportagem do Jornal Estado de Goiás que fala sobre as dificuldades enfrentadas pela população do distrito de Interlândia devido à falta de sinal de telefonia celular. Com a cópia do texto em mãos, o vereador citou o caso do farmacêutico Ronaldo Alves, que tem um custo alto com ligação telefônica para fornecedores, o que reflete diretamente no seu ganho.

Jean informou que lei de sua autoria, promulgada pela Câmara Municipal em 2016, determina que nenhuma antena de telefonia móvel pode ser instalada em Anápolis antes que as operadoras resolvam o problema dos distritos de Interlândia e de Souzânia, e da região dos produtores do Piancó.

“Desde então, nenhuma antena foi instalada. Havia um projeto para instalação de uma antena no Vivian Park, mas buscamos a Gerência de Fiscalização e Posturas, que embargou a obra”, explicou Jean.

O vereador disse que a população dos distritos não estão desamparadas e ele tem olhado de maneira frequente para essa demanda, numa tentativa de resolvê-la definitivamente. “O engenheiro Leonardo Souza, que responde pela Oi e Vivo em Anápolis, afirmou que as duas operadoras prometeram resolver o problema dos distritos em breve”.

Jean também disse que tem acompanhado o caso no Procon, para saber a quantidade de reclamações de usuários pela falta de sinal de celular nos distritos. “São empresa que ganham milhões, mas não querem investir”, frisou.