Jean defende que Vigilância Sanitária avalie condições da ALA 2 abrigar quarentena de repatriados da China

por marcos — publicado 04/02/2020 15h14, última modificação 04/02/2020 15h14
Jean defende que Vigilância Sanitária avalie condições da ALA 2 abrigar quarentena de repatriados da China

Vereador Jean Carlos, do PTB (Foto: Ismael Vieira)

Requerimento do vereador Jean Carlos (PTB), aprovado na sessão desta terça-feira (4.fev), pede encaminhamento de ofício ao comando da ALA 2 (antiga Base Aérea de Anápolis), solicitando que a unidade militar requeira inspeção da Vigilância Sanitária municipal para avaliação e elaboração de relatório técnico quanto às condições e capacidade de acolhimento para quarentena dos brasileiros oriundos da China.

“Não queremos interferir na decisão federal, mas como apelo, queremos garantir cautela para que tudo ocorra sem qualquer risco. Além da Anvisa, a Vigilância Sanitária seria importante nesse processo. Que o nosso comandante possa solicitar do órgão municipal esse parecer técnico”, disse Jean em discurso na tribuna.

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, anunciou na segunda-feira (3.fev) que Anápolis pode ser um dos destinos de um grupo de 40 brasileiros que está em Wuhan, epicentro da epidemia de coronavírus na China. Eles ficarão isolados por 18 dias assim que pisarem em solo brasileiro, evitando assim disseminação da doença caso um dos repatriados esteja contaminado.

Servidores
Jean Carlos também cumprimentou a administração pelo envio à Câmara de projetos de lei voltados para melhorias aos servidores municipais. Os textos estão em tramitação nas comissões.

A primeira propositura estende o percentual de produtividade para os fiscais de meio ambiente e avaliadores imobiliários. A outra define que fiscais de edificação e de posturas serão carreiras de nível superior, a partir de novos concursos para ingresso nos cargos.

No primeiro projeto, Jean frisou que a produtividade motiva e faz justiça àqueles que já trabalham além da carga horária normal. Para ele, a mudança de nível de escolaridade proposta pelo outro texto também trará ganhos para quem já exerce o cargo e, certamente, terá no futuro uma previsão de ampliação dos ganhos a partir da conclusão do ensino superior.

Jean Carlos também falou da revisão do subsídio dos procuradores municipais, outro projeto em tramitação na Casa. “Eles merecem pelo cargo que exercem. São pensadores, fazem a orientação jurídica do município”.

O vereador disse que aguarda o envio de projeto do prefeito determinando a revisão salarial de todos os outros servidores municipais. Ele citou ainda a vitória da categoria com a decisão do prefeito de dar auxílio-alimentação para o funcionário público que ganha menos de R$ 3 mil.