Gomide afirma que dados favoráveis atuais do Ideb são fruto de planejamento iniciado em 2009

por Orisvaldo Pires publicado 10/09/2018 11h32, última modificação 10/09/2018 11h32
Gomide afirma que dados favoráveis atuais do Ideb são fruto de planejamento iniciado em 2009

Gomide afirma que dados favoráveis atuais do Ideb são fruto de planejamento iniciado em 2009

O vereador Antônio Gomide (PT) utilizou a tribuna na Sessão Ordinária desta segunda-feira (10.set) para ressaltar que os dados favoráveis do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de Anápolis são frutos da política de valorização da Educação implantada a partir de 2009. “Naquele período o ensino fundamental foi transformado. Uma lei municipal foi aprovada na Câmara com o Plano de Carreira dos professores. Foi um salto para obter os resultados favoráveis do Ideb”, disse. 

Naquela oportunidade, lembrou Gomide, a Prefeitura começou a pagar o Piso Nacional dos Professores. Lembrou que também foram construídas 15 creches. O vereador lamentou que em 2018 os professores tenham sido levados a fazer greve para assegurar o pagamento integral do piso. O vereador Jakson Charles (PSB), em aparte, lembrou que as dificuldades enfrentadas no início deste ano foram causadas pela necessidade da administração atender o limite prudencial, “o prefeito não pode pagar um serviço se o limite prudencial está acima do teto”. 

Antônio Gomide lembrou que já está na Câmara para análise a Lei Orçamentária Anual, para o exercício de 2019, que prevê receitas e despesas de mais de R$ 1,4 bilhão. “Esta lei será aprovada e, se estamos aumentando a LOA, o que falamos para servidor é que a receita está aumentando”, disse. Gomide lamentou ainda o não comparecimento do secretário municipal da Saúde em audiência marcada para a semana passada na Câmara, “o secretário não veio e não vejo a remarcação da visita”.

registrado em: ,