Dia do Meio Ambiente: Gomide destaca construção de parques durante mandato de prefeito

por Marcos Vieira publicado 05/06/2018 13h50, última modificação 05/06/2018 13h54

Foto: Ismael Vieira

O vereador Antônio Gomide (PT) falou na tribuna sobre o Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado nesta terça-feira (5.jun), citando ações tomadas para valorizar o desenvolvimento sustentável durante seus dois mandatos como prefeito (1º de janeiro de 2009 a 5 de abril de 2014).

Ele lembrou que quando decidiu valorizar as praças existentes – através da revitalização da Bom Jesus e Badia Daher, entre outras – e a construção de novos espaços, como o Parque Ipiranga, Parque da Liberdade e Parque da Cidade, muito gente riu e não o levou a sério. “Mas hoje a valorização ambiental é uma marca da cidade”, ressaltou.

Gomide disse que gestão anterior a sua chegou a mandar projeto de lei para Câmara, propondo a venda da área onde hoje está o Parque Ipiranga. “Consideravam ali um brejo, onde eram jogados sofá velho e todo tipo de lixo, e que só a iniciativa privada poderia dar jeito, construindo bonitos prédios”, comentou.

O vereador do PT salientou que a partir de uma preocupação real com o setor, sua gestão conquistou seis prêmios Chico Mendes, de âmbito nacional e que reconhece iniciativas importantes na área ambiental.

Sobre o Parque da Liberdade, construído a partir da recuperação de uma erosão no final da Avenida Gertulino Artiaga, Gomide contou que houve problema com a empresa que ganhou a licitação para o trabalho, mas uma ação rápida resultou na escolha de uma nova construtora, que concluiu o parque em tempo hábil. “Se repetíssemos a atitude de quem comandava a obra da Câmara, estava tudo parado até hoje”, prosseguiu.

Gomide também falou do Parque JK, construído a partir de compensação ambiental da empresa responsável pela obra da Ferrovia Norte-Sul. “Tínhamos uma grande erosão ali, onde nasce o Córrego das Antas. Fizemos parceria com a empresa da Ferrovia Norte-Sul e temos hoje 23 alqueires preservados de parque”.

O vereador pediu que a atual gestão dê atenção às nascentes da cidade, recupere erosões e mantenha praças e parques limpos e seguros, valorizando o desenvolvimento sustentável. “Tem que tirar do papel a famosa promessa de campanha da guarda municipal. Podia até não ter prometido, mas já que prometeu, precisa implantar”.

A data
O Dia Mundial do Meio Ambiente começou a ser comemorado em 1972, com o objetivo de promover atividades de proteção e preservação do meio ambiente, e alertar o público e governos de cada país sobre os perigos de negligenciarmos a tarefa de cuidar do mundo em que vivemos.

Foi em Estocolmo, no dia 5 de junho de 1972, que teve início a primeira das Conferências das Nações Unidas sobre o ambiente humano. A reunião durou até o dia 16 e congregou vários governos e ONGs. Por esse motivo foi a data escolhida como Dia Mundial do Meio Ambiente.