Câmara participa de Audiência Pública promovida pela Corregedoria Geral da Justiça do Estado de Goiás

por Julio de Paula publicado 26/08/2019 15h00, última modificação 26/08/2019 15h14
Câmara participa de Audiência Pública promovida pela Corregedoria Geral da Justiça do Estado de Goiás

Câmara participa de Audiência Pública promovida pela Corregedoria Geral da Justiça do Estado de Goiás

O vereador Pastor Elias Ferreira (PSDB), membro da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), representou Leandro Ribeiro (PTB), presidente da Câmara Municipal de Anápolis, durante a Audiência Pública, no II Encontro Regional Biênio 2019/2020 da Corregedoria Geral da Justiça do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás, na tarde desta sexta-feira (23.ago), no Auditório do Júri, no Fórum.

O parlamentar fez parte da mesa de trabalhos, juntamente com o vice-prefeito Márcio Cândido; Jorge Elias, presidente da OAB Anápolis; Ricardo Silveira, diretor do Foro de Anápolis, além de outros representantes do Poder Judiciário. Quem conduziu a Audiência Pública foi o desembargador Kisleu Dias Maciel Filho, corregedor-geral da Justiça do Estado de Goiás. Fernando Paiva (PODE) esteve também presente no evento.

O objetivo do encontro, de acordo com Kisleu Dias Maciel Filho, se concentrou em ouvir reclamações e ter sugestões para buscar sempre o melhor caminho para solucionar as questões do Poder Judiciário. Segundo ele, vários municípios fazem parte da 3ª Região Judiciária, sediada em Anápolis. “Esse momento é de muita importância, porque a corregedoria faz isso de tempos em tempos de forma regional, com servidores e juízes de cada Comarca”, analisou.

O corregedor foi perguntado sobre uma das demandas da Corregedoria, que diz respeito à falta de juízes na Comarca anapolina. Kisleu Dias Maciel Filho informou que o assunto vai ser tratado ainda neste ano pelo Tribunal de Justiça. Ricardo Silveira disse que seis vagas estão para ser preenchidas, por causa de promoção, afastamento e transferência de juízes da Comarca.

Quanto à Audiência Pública, Pastor Elias disse que é importante estar atento às necessidades do Poder Judiciário. Ele afirmou que conhecer a situação da Comarca de Anápolis acaba sendo oportuna, porque o Poder Legislativo pode contribuir, de alguma forma, com a população. “Percebi que existem muitos empresários insatisfeitos com o trabalho dos cartórios”, disse.

“Último evento do tipo ocorreu em 2015 e é importante se atualizar com as questões do Poder Judiciário. A comunidade, nesta audiência, se mostrou preocupada com o 1º Cartório de Imóveis. Foi de suma importância tomar conhecimento do que corretores, empresários e população em geral passa com cartorários”, concluiu Pastor Elias.

 

 

Foto: Ismael Vieira / Diretoria de Comunicação