Câmara Municipal celebra Dia do Feirante em sessão solene

por Marcos Vieira publicado 10/09/2019 17h51, última modificação 10/09/2019 17h51
Câmara Municipal celebra Dia do Feirante em sessão solene

Sessão solene foi realizada na noite de segunda-feira, 9 de setembro (Foto: Ismael Vieira)

Em sessão solene realizada na noite de segunda-feira (9.set), no plenário Teotônio Vilela, a Câmara Municipal celebrou o Dia do Feirante, por iniciativa do vereador Jean Carlos (PTB).

Certificados de honra ao mérito foram entregues para profissionais que atuam nas feiras livres da cidade. Pioneiros como Walmir do Rosário, o Mirim, 50 anos no mercado, foi um dos agraciados no evento.

Foi o caso também da feirante Ermelinda Ferreira Machado, 80 anos de vida e 48 anos de feira, conhecida por sua banca de milho no Feirão do Jundiaí, que ressaltou a satisfação em ser reconhecida pela Câmara Municipal.

Em discurso, Jean Carlos ressaltou que os feirantes fazem parte da história da cidade, e que as feiras livres fazem parte da cultura do brasileiro, um verdadeiro ponto de encontro da população.

“Estamos reconhecendo o trabalho de vocês, que iniciam a jornada de madrugada e muitas vezes ultrapassam as 12 horas diárias de trabalho, garantindo às pessoas o alimento fresco e saudável”, ressaltou o vereador.

O vereador Domingos Paula (PV) também falou sobre esse aspecto de centro de convivência das feiras, e ressaltou seu respeito ao trabalho dos profissionais que trabalham nesses locais.

Teles Júnior (PMN) frisou a disciplina do feirante, que faça chuva ou sol está a postos para vender seu produto. “E digo mais: todo feirante é um empreendedor, pois ninguém permanece na atividade sem esse espírito”, completou.

O vereador Lélio Alvarenga (PSC) contou que seu pai era feirante, e na atividade criou a família. “Sinto orgulho disso”, comentou. Ele disse que todo domingo pela manhã frequenta a feira da Santa Isabel.

O vereador João da Luz (PHS) também contou sua ligação pessoal com as feiras – na infância ele ajudava a família ganhando alguns trocados ao carregar as sacolas dos frequentadores das feiras. “Estamos sempre na luta para defende-los aqui na Casa”, prometeu.

Ao falar em nome dos homenageados, o feirante Mirim contou um pouco da sua trajetória, iniciada em 1977 em Anápolis. Ele frisou que a cadeia produtiva das feiras livres gera cerca de 5 mil empregos em Anápolis.

A Câmara Municipal também prestou homenagem à Associação dos Feirantes do Município de Anápolis, juntamente com seu presidente, Sebastião José de Camargo.

Também foram homenageados os seguintes feirantes: Amado de Jesus Silva, Ananias José de Bastos, Ermelinda Ferreira de Machado, Irene Pereira da Silva, Maria Aparecida de Siqueira, Naejelly Jeanny Granjeiro Souza, Otávio Raposo Simões, Paulo Sérgio Martins Kamimura e Walmir do Rosário.

O Dia do Feirante é celebrado anualmente em 25 de agosto. A data é uma homenagem à primeira feira livre que ocorreu no país, em 25 de agosto de 1914. Tal evento aconteceu no Largo General Osório, na Santa Efigênia, em São Paulo.