Câmara e Correios realizam Sessão Solene em homenagem à vereadora Vilma Rodrigues

por Geovana de Bortole publicado 25/05/2018 15h25, última modificação 25/05/2018 15h49
Câmara e Correios realizam Sessão Solene em homenagem à vereadora Vilma Rodrigues

Câmara e Correios realizam Sessão Solene em homenagem à vereadora Vilma Rodrigues

Foto: Ismael Vieira

A Câmara Municipal de Anápolis e a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos realizaram sessão solene na noite de quinta-feira (24.mai) para lançamento do Selo Postal em homenagem à vereadora Vilma Rodrigues Corrêa.

O presidente Amilton Filho (SD) disse que esta é uma maneira de lembrar o grande legado que Vilma Rodrigues deixou, não somente na política, mas também na assistência social. “Hoje é um dia de grande satisfação, onde podemos prestar uma homenagem póstuma à Vilma. O lançamento deste selo é uma forma de eternizar a memória dela, mantê-la viva em nossos cotidianos. Sua história será imortalizada. Ela marcou sua passagem pela Câmara, e agora temos uma homenagem bonita, sem formalismo, descontraída, como ela era”, afirmou.

O prefeito Roberto Naves (PTB), que estava acompanhado da primeira dama Vivan Albernaz, falou do brilhante trabalho que ela realizava em Anápolis. “Ela sempre colocou a ajuda ao próximo em primeiro lugar em sua vida e agora temos a oportunidade de recordar e eternizar seu nome através deste selo. É muito emocionante participar desta homenagem”, disse.

O filho de Vilma Rodrigues, Manoel Vanderic Filho, revelou que aprendeu muito mais com sua mãe após seu falecimento. “Éramos tudo um para o outro. Mas passei a conhecê-la depois de sua morte, pois fiquei sabendo de uma série de atitudes de caridade que não tinha conhecimento. Até hoje recebo pessoas na delegacia me contando histórias de ajuda que ela fazia. Ela era uma grande alma. Sinto muito orgulho de perceber que as pessoas que passaram por sua vida foram tocadas de alguma forma. A imagem e o legado que tenho da minha mãe é de sua alegria. Agradeço a todos que deram continuidade ao seu trabalho”, declarou.

O vereador Lélio Alvarenga falou em nome dos demais parlamentares presentes, e reforçou que Vilma marcou a vida de todos. “Caminhamos juntos bem antes da campanha, e durante o mandato sempre estivemos juntos. Ela ficará sempre em nossas memórias, por isso é uma homenagem a uma personalidade muito justa. Ela deixou um vazio muito grande em nossos corações”.

O Superintendente Estadual de Operações dos Correios do Estado de Goiás, Osmar Caldeira Júnior disse que é uma honra quando podem eternizar pessoas de grande relevância como Vilma Rodrigues. “Apesar da breve passagem pela Câmara Municipal, deixou seu nome eternizado na história da cidade. Era uma mulher guerreira, que lutou como pôde e deixou um grande legado social. Diante de tudo isso e de todas outras ações, lançamos esse selo e imortalizamos sua memória. Muitas pessoas ainda serão beneficiadas por seus feitos, e por isso, esse selo em sua homenagem irá percorrer o mundo”, declarou.

O assessor de comunicação dos Correios Saulo Barros, conduziu o processo de obliteração do selo, que foi realizado pelo presidente da Casa, Amilton Filho, e também a vice-presidente Thaís Souza (PSL), o prefeito Roberto Naves (PTB), Manoel Vanderic Filho e a irmã da homenageada Neide Rodrigues Caixeta.

Participaram ainda os vereadores Professora Geli Sanches (PT), Jean Carlos (PTB), Jakson Charles (PSB), Elinner Rosa (MDB), Fernando Paiva (PODE), Pastor Elias Ferreira (PSDB), João Feitosa (PTB), João da Luz (PHS) e Domingos Paula (PV), além de personalidades e familiares.

Conheça uma breve trajetória Vilma Rodrigues Corrêa

Nascida em 31 de março de 1960, no distrito de Interlândia. Filha de Oraldina Alves Pereira e José Rodrigues Sobrinho, já falecidos.

Tem 3 irmãos e 4 irmãs.

Teve uma infância rural na “Nossa Fazenda”, que pertencia à atriz norte americana Mary Martin.

Teve dois filhos, o delegado da polícia Civil Manoel Vanderic Corrêa Filho e Mona Corrêa. Avó do Davi.

Graduou-se em pedagogia na UniEvangélica.

Foi professora do Ensino Fundamental.

Ingressou na imprensa na rádio São Francisco de Anápolis. Depois, foi apresentadora na rádio Manchester, onde era reconhecida pela alegria e pela marcante risada.

Era apreciadora da típica comida da roça, lançou seu primeiro livro de receitas em 2016.

Depois atuou efetivamente na assistência social, atividade herdada do pai, que acolhia idosos e pessoas com deficiência.

Foi eleita vereadora pelo PSC, em sua primeira candidatura, com 3577 votos.

Em um ano, dois meses e 14 dias de mandato, se notabilizou pela defesa de projetos e ações em benefício das pessoas idosos e daquelas afetadas pelo câncer.

Faleceu em 14 de maço de 2018.